Há uma solidão neste mundo tão grande que você pode vê-la no movimento lento dos ponteiros de um relógio. Pessoas tão cansadas. Mutiladas. Seja por amor ou por falta de amor. As pessoas simplesmente não são boas uma para as outras. Um em um. Os ricos não são bons para os ricos. Os pobres não são bons para os pobres. Estamos com medo. Nosso sistema educacional nos diz que todos nós podemos ser grandes vencedores. Ele não nos disse sobre os esgotos. Ou os suicídios. Ou o terror de uma pessoa em um só lugar. Sozinha. Intocada.

Charles Bukowski.   (via tipografado)


Fazendo prova de V ou F (CharlieMcDonnell):

paradjis:

Hmmm, já vi isso em algum lugar… Vai ser V!

image

Essa eu acho que é F, mais se eu por F vai ficar muito V, F, V, F… Então (com muito esforço) vai ser V!

image

Ai, essa eu tenho certeza de que é V, mais se eu por V vai ficar muito V… Então sou obrigado a por F.

image


breakinq:

following back tons


manola-das-dorgas:

i feel like i am watching a magical girl transformation




nurseblonda:

when all your friends start talking about something you know nothing about

image


Minha sanidade? Vou me livrando dela a cada esquina, botequim, copo sujo, a cada palavra cuspida, a cada refrão.

Elisa Bartlett  (via oxigenio-dapalavra)

Monólogo escrito

Tudo o que escrevo é o lixo do meu pensamento. O que sobra dele, é o que reciclo e crio verso ou prosa. Não sigo a risca as regras, pois não se pode perder a essência do pensamento, que é livre. Entende-se que meus escritos, nada mais é que uma conversa comigo mesma, tentativa vã de dizimar o caos mental. Não exponho para que me leiam, mas para que o desejo de expressão seja cumprido.


As coisas muito claras me noturnam.

Manoel de Barros. (via oxigenio-dapalavra)


ev
“Há uma solidão neste mundo tão grande que você pode vê-la no movimento lento dos ponteiros de um relógio. Pessoas tão cansadas. Mutiladas. Seja por amor ou por falta de amor. As pessoas simplesmente não são boas uma para as outras. Um em um. Os ricos não são bons para os ricos. Os pobres não são bons para os pobres. Estamos com medo. Nosso sistema educacional nos diz que todos nós podemos ser grandes vencedores. Ele não nos disse sobre os esgotos. Ou os suicídios. Ou o terror de uma pessoa em um só lugar. Sozinha. Intocada.”
Charles Bukowski.   (via tipografado)


Fazendo prova de V ou F (CharlieMcDonnell):

paradjis:

Hmmm, já vi isso em algum lugar… Vai ser V!

image

Essa eu acho que é F, mais se eu por F vai ficar muito V, F, V, F… Então (com muito esforço) vai ser V!

image

Ai, essa eu tenho certeza de que é V, mais se eu por V vai ficar muito V… Então sou obrigado a por F.

image



manola-das-dorgas:

i feel like i am watching a magical girl transformation



nurseblonda:

when all your friends start talking about something you know nothing about

image



“Minha sanidade? Vou me livrando dela a cada esquina, botequim, copo sujo, a cada palavra cuspida, a cada refrão.”
Elisa Bartlett  (via oxigenio-dapalavra)


Monólogo escrito

Tudo o que escrevo é o lixo do meu pensamento. O que sobra dele, é o que reciclo e crio verso ou prosa. Não sigo a risca as regras, pois não se pode perder a essência do pensamento, que é livre. Entende-se que meus escritos, nada mais é que uma conversa comigo mesma, tentativa vã de dizimar o caos mental. Não exponho para que me leiam, mas para que o desejo de expressão seja cumprido.



“As coisas muito claras me noturnam.”
Manoel de Barros. (via oxigenio-dapalavra)


©padronize
Mundo Sem Criatividade